10.12.09

Rita Guerra - Gostar de ti

Gostar de ti

Rita Guerra

A noite já caiu
E trouxe de novo o silêncio,
O quarto está vazio
Porque tu já não estás mais aqui
Ao pé de mim

O tempo parou
No momento em que partiste,
O amor acabou
Num breve beijo triste
Mas p'ra mim não é o fim...

Enquanto o sol brilhar
E o rio correr para o mar,
Enquanto houver luar
E o mundo não parar

Enquanto o sol nascer,
Enquanto o fogo arder
E o meu coração bater,
Eu vou gostar de ti!

Os ecos da paixão,
Fantasmas de um amor perfeito.
São a recordação
Que o meu pobre peito quer soltar
Mas eu não vou deixar!

Enquanto o sol brilhar
E o rio correr para o mar,
Enquanto houver luar
E o mundo não parar

Enquanto o sol nascer,
Enquanto o fogo arder
E o meu coração bater,
Eu vou gostar de ti!

Enquanto o sol brilhar
E o rio correr para o mar,
Enquanto houver luar
E o mundo não parar

Enquanto o sol nascer,
Enquanto o fogo arder
E o meu coração bater,
Eu vou gostar de ti!


Tu man patinki

Naktis nukrito
Ir vėl grąžino tylą
Kambarys tuščias
Kadangi tavęs jau čia nebėra
Šalia manęs
Laikas sustojo
Kai tu išėjai
Meilė išėjo
Trumpame bučinyje liūdnai
Bet man tai ne pabaiga ...
Kol saulė šviečia
Ir upės teka į jūrą,
Kol yra mėnesiena
Ir pasaulis nesustoja
Kol saulė teka,
Kol ugnis liepsnoja
Kol plaka mano širdis,
Tu man patiksi.
Aistra aidai,
Tobulos meilės vaiduokliai
Jie primena
Mano vargšė širdis gali sudužti
Bet aš neišeisiu.
Kol saulė šviečia
Ir upės teka į jūrą,
Kol yra mėnesiena
Ir pasaulis nesustoja
Kol teka saulė,
Kol ugnis liepsnoja
Ir mano širdies plaka,
Tu man patiksi

Kol saulė teka

Ir upės teka į jūrą,

Kol yra mėnesiena
Ir pasaulis nesustoja
Kol saulė teka
Kol ugnis liepsnoja
Ir mano širdies plaka,
Tu man patiksi!

video

Sem comentários:

Enviar um comentário